[metaslider id=1832]

DE MARIANA – Quem passou pelas ruas Direita e Josefa Macedo ao longo do domingo de Páscoa, pôde contemplar, além da beleza típica dos casarões, a vivacidade dos tapetes de serragem. Em um ato de fé e celebração da Semana Santa, as ruas cinzas ganharam cor e forma pelas mãos de marianenses e turistas. Retratos de Jesus Cristo, do Espírito Santo, anjos, pedidos de paz, e até mesmo a bandeira do Brasil e de Minas Gerais, retratam a força da tradição religiosa cristã no país e no Estado.

Em Mariana, a confecção dos tapetes é organizada pela Associação de Marianense de Artistas Plásticos (Amap), e ocorre entre 7h e 15h, antes da procissão que celebra a ressurreição de Jesus.

Segundo um dos integrantes da Amap Geraldino Silva, 37, é “gratificante” ver a aprovação das pessoas ao ritual. O artista plástico ressalta ainda a importância da cerimônia para manter a religiosidade e preservar a memória para os futuros participantes.

De geração em geração pela cidade, a confecção dos tapetes chegou até o participante Otávio Lima, 13, que tem o incentivo da mãe e a satisfação pessoal pelo resultado do trabalho que o faz participar pela segunda vez. “Além de manter a tradição, o ato atrai turistas para a cidade”, comenta.

COMENTE

You may also like

Comments

Comments are closed.